Os vales deTucumán: cenário verde do #ArgentinaDakar

Província de sabores únicos, vales profundos e ruas pequenas com história e tradição, Tucumán e seus jardins escoltam a passagem dos melhores motores do mundo durante o Rally Dakar 2016. Tucumán é conhecida como “e jardín de la República”. Na capital, San Miguel de Tucumán, existem muitas opções que nos esperam para visitar os lugares mais emblemáticos.

tucuman (11)

A Casa Histórica da Independência, onde se manteve o espírito dos salões antigos de 1816 de quando a Argentina declarou a independência, você pode visitar o ano inteiro. No museu, pode-se apreciar diferentes símbolos da época, como imagens de santos, artesanato e móveis, bem como os documentos originais da declaração da independência, ideal para os viajantes que procuram entrar em contato com a história da Argentina, suas peculiaridades e raízes. Pelas tardes você pode desfrutar de um show de luzes que relembra os dias da Independência.

Durante as noites, as peñas(eventos musicais) para aprender a dançar zambas (dança romântica) e ritmos do norte que são vários na cidade. Lá, ao lado dos sons clássicos de guitarras criollas (espanholas), podemos dar nossos primeiros passos em danças folclóricas do norte argentino enquanto degustamos um pouco de queijo artesanal ou pasteizinhos doces em pátios coloniais antigos de beleza infinita.

tucuman (8)

As empanadas(pastel) clássicas e nortistas, reconhecidas como uma das iguarias mais gostosas dessa zona possuem ingredientes peculiares que nos permitem diferenciar daquelas feitas em outras províncias. Aqui em Tucumán, podemos experimentar na versão frita, com uma suculenta carne moída, temperada com pimenta seca picada, colorau e cominho, combinadas em muitos casos com passas e azeitonas verdes, ideais para desfrutar com uma taça cheia de vinho tinto regional.

Na região de Tafi Viejo, onde a Fiesta Nacional del Limón ou Festival Nacional do Limão, podemos apreciar a fragrância de cítricos e todos os seus frutos suculentos são exportados por todo o mundo e inspiram muitos dos pratos que podemos experimentar durante a viagem. O chá frio ou a limonada dessa zona, combinado com doces cayote com nozes são deliciosas opções para lanches durante o verão.

tucuman (10)

Para os amantes da natureza, a região de Valles Calchaquíes nos surpreende por sua característica selvática e pela alta umidade dor ar que possui. Lá, poderemos andar a cavalo, praticar asa-delta e nos meteremos de cheio no trekking pelas montanhas. Para aqueles que procuram um encontro mais profundo com as raízes dos povos nativos, as Ruinas de los

Quilmes tornar-se um ponto-chave da viagem. O percorrido feito pelas diferentes seções das ruínas proporciona uma experiência muito forte em que nos aprofundarmos para saber sobre a antiga cultura desses povos do norte argentino, seus territórios, conhecimentos e moradas, envolvidos por uma vista majestosa dos vales e montanhas.